Noticias Economia - Lei muda transporte de gás de cozinha e água mineral- Diarioweb
Economia
 
Trânsito
São José do Rio Preto, 3 de Agosto, 2011 - 3:10
Lei muda transporte de gás de cozinha e água mineral

Carlos Eduardo de Souza

Sergio Isso
O transporte de botijões e galões com motos está regulamentado
O transporte de botijões de gás e de galões de água sobre o banco de motocicletas e motonetas ou em acessórios laterais, conhecidos como “cangalhas”, está proibido desde ontem, como determina lei federal 12.009, de 2009. De acordo com Eder Freitas, presidente da Associação dos Revendedores de Gás e Água Mineral (Aregás) o artigo 12 da lei 12.009 e o artigo 12 da Resolução 356, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), publicada em 2 de agosto de 2010, estabelecem que “é proibido o transporte de combustíveis, produtos inflamáveis ou tóxicos e de galões nos veículos de que trata este artigo, com exceção de gás de cozinha e de galões contendo água mineral, desde que com o auxílio de side-car, nos termos de regulamentação do Contran”. Outra forma de transporte permitida é a feita com triciclos.

De acordo com Freitas, as motocicletas e motonetas que não se enquadrarem na legislação receberão multa de R$ 179 e os condutores cinco pontos na carteira de habilitação mas, num primeiro momento, não serão apreendidas. O presidente da Aregás afirmou que, apesar da resolução ter dado prazo de 365 dias para as empresas se adequarem, apenas 5% dos 100 revendedores de gás e galões de águas de Rio Preto capacitaram-se para atender à nova lei. A adaptação dos veículos implicaria gasto de até R$ 2,5 mil por moto ou motoneta. Freitas afirmou que outra alternativa para a entrega de gás, no caso das pequenas empresas, são as camionetes, mas isso aumentará significativamente o custo por quilômetro rodado para a entrega.

O proprietário da empresa Robust, que fábrica semirreboques afirmou que está havendo confusão no entendimento da legislação. Ele argumenta, também com base na resolução 356 do Contran, que o artigo 13 prevê que é permitida o “transporte de carga em side-car ou semirreboques deverá obedecer aos limites estabelecidos pelos fabricantes ou importadores dos veículos homologados pelo Denatran”. Freitas explicou que o artigo 13 da Resolução refere-se a carga e não a botijões de gás ou galões de água mineral. O Diário entrou em contato com a Polícia Militar para falar sobre o assunto, mas não obteve retorno.

Quer ler o jornal na íntegra? Acesse aqui o Diário da Região Digital

 
     
4 de Julho, 2013
Conheça as profissões com melhores salários
 
6 de Junho, 2013
Shopping Iguatemi divulgou nomes do mix de lojas
 
23 de Fevereiro, 2010
Rio Preto vai ganhar shopping com 251 lojas
 
30 de Maio, 2014
Anatel aprova redução da assinatura da Telefônica
 
23 de Junho, 2011
Lista traz quem vai receber até R$ 10 mil do Arantes
 
 
› 22/08 CNI apura pior nível histórico de emprego na construção
› 22/08 Conta viagens tem déficit de US$ 1,625 bilhão em julho
› 22/08 Resultado do setor externo em julho é favorável, diz BC
› 22/08 Abear: busca por transporte aéreo cresceu 0,5% em julho
› 22/08 Manoel Dias explica comentário sobre 'fundo do poço'
› 22/08 BNDES lucra R$ 5,471 bilhões no 1º semestre
Leia mais sobre Economia
gás de cozinha mudanças transporte mudanças
 
 
DiarioLeaks
Revista Vida e Arte
Negócios em Pauta
Locall
Imóveis
(17) 3355-1090
Condominium
Imóveis
(17) 4009-3333
 
 
Bemac
Máquinas de costura
(17) 3234-3687
Home | Institucional | Economia | Cidades | Geral | Esportes | Saúde | Política | Estradas | Tecnologia | Educação | Meio Ambiente | Sirva-se | Olá | Opinião | Artigos | Editorial | Opinião do leitor | Classificados | Divirta-se | Atendimento | Promoções | Fotojornalismo | Vídeos | PodCasts | Blogs | RSS | Jornal na Educação
Diarioweb® Todos os direitos reservados // Atendimento Design e desenvolvimento MagicSite